Skip to main content

Nossos NOVOS planos de assinatura chegaram 🌟

Saiba mais
iMusician logo
Todos os guias

Como divulgar sua música nas redes sociais

  • Martina
  • 11 abril 2022, segunda-feira
Compartilhe este guia no
Divulgar musica redes socials

Foi relatado que, em 2021, o uso de mídia social cresceu a uma taxa média de 13,5 novos usuários a cada segundo. Se fizermos as contas, são 48.960 novos usuários a cada hora, 1.175.040 novos usuários a cada dia e mais de 420 milhões de novos usuários por ano. Atualmente, uma quantidade inacreditável de 4,62 bilhões de indivíduos em todo o mundo usam as mídias sociais.

Estratégia de mídia social

Criar uma estratégia de mídia social eficaz é o primeiro passo mais importante para todo músico independente e não podemos enfatizar isso o suficiente. Uma estratégia de mídia social adequada deve delinear suas metas e objetivos de mídia social, definir as etapas e táticas estratégicas que você usará para alcançá-las e identificar as métricas que você acompanhará para medir seu progresso e crescimento.

Existem pontos específicos que cada estratégia de mídia social deve abranger:

  • Definindo suas metas e objetivos

  • Estabelecendo sua marca

  • Determinando seu público-alvo

  • Agendamento e elaboração de um calendário de conteúdo

1. Defina suas metas e objetivos

Metas e objetivos são a parte fundamental de uma estratégia de mídia social ou de qualquer estratégia. Eles devem definir claramente o que você deseja alcançar com seu desempenho de mídia social e devem ser os denominadores do seu sucesso nas redes.

Seja vendendo mais produtos e ingressos e atraindo mais fãs para seus shows ou visando um público mais amplo e aumentando seus streamings de música (o que não precisa ser mutuamente exclusivo), é importante que seus objetivos sejam claros: específicos, mensuráveis e atingíveis, relevantes e com prazo determinado. Tenha em mente que quanto mais precisos forem seus objetivos, mais você estará ciente de seu desempenho e melhor poderá acompanhá-lo.

Smart imusician

SMART

2. Estabelecendo sua marca musical

Qualquer que seja o conteúdo que você crie e compartilhe com seus seguidores, reflete muito sobre você como músico e indivíduo. A marca que você estabelece para si mesmo como músico como parte da estratégia de mídia social é um conceito bastante difícil e tem muito a ver com autoconsciência e com o quão bem você se conhece. O branding deve definitivamente abranger pontos como a tonalidade da sua voz nas legendas que você escreve; sua identidade visual; seus valores e o que você representa; o tipo de história que você decide criar e como a transmite; e muito mais.

A maneira como você se representa nas mídias sociais o ajudará a atrair o público certo que poderá se relacionar com você e criar um vínculo mais profundo com sua música. Você pode obter mais conhecimento sobre branding em nosso guia sobre como construir sua marca como artista.

Dica: Se há algo em que você deve se concentrar ao estabelecer sua marca, é a autenticidade. Ao falar de branding, 90% dos consumidores afirmam que a autenticidade é um fator importante para determinar qual marca eles gostam e apoiam. Ser autêntico vai ressoar profundamente com seus fãs e aumentar sua lealdade a você e sua obra.

3. Determine seu público-alvo

Falando do público certo - quem são eles? É crucial aprender tudo o que puder sobre seus fãs e seguidores, tanto existentes quanto desejados. As plataformas de mídia social devem fornecer acesso a análises confiáveis, fornecendo informações sobre dados demográficos e comportamento do público.

Essas informações devem eventualmente ajudá-lo a criar uma persona de público, que representa seu público-alvo e aprofunda sua compreensão de seus valores demográficos, interesses, objetivos e intenções comportamentais. Manter um público específico em mente o ajudará a criar conteúdo de música desejável nas plataformas de mídia social e manter um tom de voz e direção ajustados às pessoas que você deseja alcançar. Uma pessoa do público pode incluir informações como nome, sexo, idade, localização, ocupação, educação, hobbies e muito mais.

Dica: Trate a persona do seu público como um verdadeiro fã de música! Dê-lhes um nome, anote seus traços de personalidade e tente descrevê-los completamente. Que língua eles falam? De onde eles são? Que gêneros musicais eles gostam? Quanto mais detalhes melhor!

Persona do publico

Persona do público

4. Agendamento e elaboração de um calendário de conteúdo

Você provavelmente já ouviu isso algumas vezes antes e pode ouvir mais algumas outras, mas a consistência realmente é a chave. Isso porque um cronograma de publicação regular atrairá seu público a voltar sempre. Um calendário de conteúdo pode ajudá-lo não apenas a ser persistente com o compartilhamento nas mídias sociais, mas também a distinguir os diferentes tipos de conteúdo que você cria para vários canais.

Geralmente, você pode dividir seu conteúdo em três categorias principais: pessoal, profissional e promocional. O conteúdo profissional se concentraria em fotos ou vídeos de shows, sessões de fotos ou gravações de videoclipes, enquanto o conteúdo promocional se concentraria diretamente no marketing musical. Você também pode escolher entre diferentes formas de conteúdo - como fotos, vídeos, reels, etc. - Dependendo de recursos específicos das plataformas de mídia social. Em 2021, os vídeos curtos foram considerados o conteúdo de mídia social mais eficaz por 85% dos profissionais de marketing.

Planejamento e publicação

Agora que você sabe quais objetivos de mídia social deseja alcançar, qual é sua marca musical e público-alvo e qual será sua estratégia de agendamento, é hora de passar para o planejamento e a publicação de conteúdo real. A seguir estão alguns pontos importantes aos quais você deve prestar atenção quando estiver prestes a criar e compartilhar seu conteúdo.

1. Qualidade sobre quantidade. Ou não?

Embora a qualidade do conteúdo que você publica definitivamente importe, a afirmação “qualidade sobre quantidade” não é necessariamente verdadeira. Na verdade, ambos os fatores podem desempenhar um papel igualmente relevante para você e sua promoção musical. Embora a qualidade seja o que torna seu conteúdo confiável, representativo da marca e benéfico para seus seguidores, a quantidade é crucial para reconhecimento, visibilidade e exposição, alcance e engajamento do público.

Também é importante considerar que cada plataforma difere e, portanto, é necessária uma abordagem diferente. Embora a qualidade do conteúdo seja definitivamente um fator determinante no Instagram, o TikTok valoriza a consistência e ‘manter-se atualizado’ com os mais novos êxitos. Postagens de baixa qualidade mostrando as últimas tendências poderão gerar mais visualizações e engajamento do que alguns vídeos altamente produzidos.

O objetivo final é equilibrar um ótimo uso de palavras, ideias criativas, recursos visuais e informações, com uma boa quantidade de exposição. Portanto, tenha cuidado com o excesso de postagem! Postar demais pode, mais cedo ou mais tarde, começar a irritar seus seguidores e, eventualmente, levar a uma queda no número de seguidores e engajamento.

2. Explorando diferentes plataformas de mídia social

Twitter, Instagram, Facebook, TikTok, YouTube e muito mais - com um número extremamente alto de usuários ativos mensais, todas essas plataformas oferecem a possibilidade de grande exposição para você e sua música. Portanto, vale a pena gastar algum tempo de qualidade explorando suas características, capacidades e recursos.

O fato é que você não pode efetivamente usar e se beneficiar de todas as plataformas disponíveis. É importante descobrir quais plataformas atendem melhor às suas necessidades e pontos fortes, como criador, e concentrar seu tempo e energia nelas. Dessa forma, você pode produzir conteúdo de qualidade de uma forma que represente sua marca musical e ressoe com seu público-alvo. Você também pode usar várias ferramentas analíticas para medir seu desempenho em diferentes canais para confirmar ou reconsiderar sua escolha de plataformas ao longo do tempo.

Qual plataforma mais se adequa à sua estratégia?

Qual plataforma mais se adequa à sua estratégia?

3. O que são hashtags e como usá-las?

Hashtags podem ser definidas como palavras precedidas pelo sinal de cerquilha (#) que tornam seu conteúdo mais detectável e ajudam as pessoas interessadas em seu tópico a encontrá-lo. Eles conectam um conteúdo a um tópico, tema ou evento específico e, assim, o tornam mais visível e acessível para aqueles que não seguem você. Isso pode ajudá-lo a aumentar seu público-alvo e obter mais engajamento valioso para seu campo de interesse e especialização, que é a música e o gênero musical específico que você toca.

Um dos principais fatores em termos de hashtags é sua relevância. É importante que as hashtags que você usa não sejam ambíguas e específicas para o seu conteúdo (mas não muito específicas, pois será difícil encontrá-las). Você também deve evitar hashtags gerais de grande popularidade, como #followforfollow #followme, #photooftheday ou #instagram. Para analisar hashtags em potencial e encontrar as corretas, você pode usar sites como Hashtagify.me, RiteKit ou Hootsuite. Você também pode monitorar quais hashtags seus concorrentes usam e analisar o desempenho das hashtags que você usou em suas postagens anteriores. Eventualmente, se você já tiver uma lista de hashtags com bom desempenho, considere usar outras hashtags relacionadas a elas.

Por último, mas não menos importante, você pode usar as chamadas hashtags de marca no seu nome ou de sua banda (ou seja, #thefireband para a 'The Fire Band). Essa hashtag personalizada e exclusiva permitirá que você construa sua identidade de marca musical nas mídias sociais e fornecerá uma maneira de se envolver com um público mais amplo, abrir discussões e conversas, promover seus lançamentos e mercadorias ou executar campanhas de mídia social.

Principais fatores sobre hashtags

Principais fatores sobre hashtags

4. Ferramentas de agendamento de conteúdo de mídia social

As ferramentas de agendamento de conteúdo ajudarão você com algo que mencionamos antes e que permanece consistente e acompanha seu calendário de conteúdo. Essas ferramentas permitirão que você agende seu conteúdo para plataformas específicas de sua escolha com antecedência, o que significa que você não precisa fazer a postagem manualmente. Basta escolher as datas (dias e horários) em que deseja postar e adicionar seu conteúdo nos tamanhos e dimensões apropriados.

O uso de ferramentas de agendamento de conteúdo também lhe dará mais tempo para fazer música, criar conteúdo para suas redes sociais ou interagir com seus seguidores respondendo a seus comentários, reações e DMs.

Existem muitas ferramentas de agendamento de mídia social disponíveis, como Hootsuite, Monday, Buffer, Falcon ou Loomly. Destes, Hootsuite, Monday e Buffer vêm com planos gratuitos. O Hootsuite é de longe a ferramenta de agendamento mais popular, com mais de 18 milhões de usuários ativos. Oferece cinco planos diferentes e permite que você escolha e se conecte a mais de 20 redes sociais diferentes.

Ferramenta agendamento conteudo

Você usa alguma ferramenta de agendamento de conteúdo?

Escuta e Engajamento

A escuta social e o engajamento desempenham um papel significativo em uma jornada de mídia social bem-sucedida. Eles não apenas ajudam a melhorar a experiência geral do usuário ao interagir com você, mas também fornecem informações valiosas sobre as tendências mais recentes, insights do setor, concorrentes e colaboradores em potencial em seu gênero. Há algumas coisas que você pode fazer para melhorar sua escuta social.

1. Torne a jornada do usuário de seus seguidores simples e agradável

Um fator importante na experiência do usuário em qualquer campo é a simplicidade. Independentemente do conteúdo que você cria e de como gerencia suas contas de mídia social, facilite ao máximo que seus seguidores se conectem com sua música e sigam sua jornada. Você pode fazer isso facilmente usando links que levam aos seus lançamentos musicais (no Spotify, Apple Music, Bandcamp, etc.), seu site ou shows e eventos importantes que estão por vir. Certifique-se de que tudo o que você quer que seus fãs saibam, vejam ou escutem está em seu perfil e facilmente acessível a todos.

Além disso, se você tiver mercadorias para vender, use os recursos de venda em plataformas como Instagram, Facebook ou Pinterest. Embora as mídias sociais não sejam tradicionalmente plataformas de venda, elas tendem a servir como porta de entrada para compras com uma tendência crescente de usuários adquirirem produtos diretamente nesses canais.

2. Comunique-se ativamente com seus fãs

O gerenciamento da comunidade é fundamental quando se trata de engajamento do público. Ao responder ativamente a comentários, perguntas, compartilhamentos, curtidas e mensagens diretas, você permite que os relacionamentos com seus seguidores e público-alvo melhorem e prosperem ao longo do tempo.

Pode ser benéfico para você considerar a mídia social principalmente como uma ferramenta de comunicação eficaz que leva a interações e conversas valiosas. Além disso, o gerenciamento da comunidade pode ter um impacto significativo no compromisso de seus seguidores com sua conta e na fidelidade deles.

3. Siga as tendências atuais

Uma parte relevante da escuta social também é descobrir e estar atualizado com as tendências atuais e futuras. É impossível (e talvez até prejudicial para sua marca como músico) seguir todos eles, mas saber o que está acontecendo nas comunidades de mídia social pode ajudá-lo a utilizar seus pontos fortes criativos e criar conteúdo que possa ressoar melhor com seu público.

Tendências de mídia social para os músicos seguirem em 2023:

  • A ascensão contínua do TikTok

  • Reels (vídeos de curta duração)

  • Transmissão nas mídias sociais - apresentações ao vivo ou perguntas e respostas

promove sua música no TikTok

Você promove sua música no TikTok?

4. Crie conteúdo fechado

Conteúdo fechado é qualquer conteúdo que você cria e fornece para que seu público possa acessar somente após realizar uma ação específica. Pode ser enviando suas informações de contato, ou apenas seguindo sua conta do Spotify e/ou pré-salvando sua faixa. Esse conteúdo pode ser um boletim informativo com informações especiais sobre novos lançamentos musicais ou shows que estão por vir; um teaser exclusivo do seu último videoclipe; ou um livreto que fornece acesso antecipado aos seus mais novos produtos ou vendas de ingressos. É importante que este conteúdo exclusivo seja gratuito e não esteja escondido atrás de nenhum custo adicional para os seguidores.

O objetivo geral do conteúdo fechado é criar uma sensação de exclusividade e despertar o interesse dos usuários na música que você produz e vende. Também permite que você se comunique melhor com seus fãs e obtenha informações adicionais sobre seu público, fornecendo as informações que eles fornecem. Esses dados podem ainda ser utilizados para estabelecer sua personalidade de público ou planejar campanhas ou eventos futuros.

Análise de mídia social

O rastreamento e a coleta de dados são cruciais para qualquer estratégia de mídia social bem-sucedida, bem como para campanhas individuais. A análise de dados pode ajudá-lo a analisar e medir métricas como o número de visualizações, curtidas e compartilhamentos, alcance, impressões e engajamento, que são indicativos do sucesso do seu desempenho.

Além disso, como mencionado anteriormente, você pode obter informações valiosas sobre seu público, tanto atual quanto desejado, para conhecer melhor quem eles são, de onde vêm e a que categorias de idade pertencem. Existem também outras métricas que são bastante focadas nos padrões comportamentais do seu público, bem como seus interesses, objetivos e intenções de uso de mídia social.

Os dados gerais que você obtém podem demonstrar o quão eficaz e eficiente é sua estratégia de mídia social; se seus valores e marca musical estão bem representados em plataformas individuais e se, de fato, as redes que você está usando são adequadas para você. Você também pode descobrir os melhores horários para postar e analisar seus potenciais concorrentes.

Cada plataforma de mídia social fornece suas próprias ferramentas de análise (Facebook Insights, TikTok PRO Analytics, Instagram Insights ou Twitter Analytics), mas você também pode obter facilmente informações de ferramentas de agendamento de conteúdo ou outros provedores de dados de marketing, como Hootsuite, Buffer Analyze, Sprout Social , HubSpot ou Sendible. Eles geralmente vêm com vários pacotes de preços, incluindo, em alguns casos, um gratuito.

Publicidade nas redes sociais

Com os 4,62 bilhões de usuários ativos em todo o mundo, a mídia social oferece uma quantidade incrível de oportunidades e perspectivas de publicidade. Geralmente, existem três tipos principais de publicidade de mídia social. Você pode ter postagens que obtêm visualizações naturalmente ('postagens orgânicas'), pagar dinheiro por suas postagens para aumentar suas visualizações ('publicidade paga') ou ganhar conteúdo na forma de comentários, curtidas e compartilhamentos que foram dados gratuitamente ('publicidade ganha').

Como está se tornando cada vez mais difícil alcançar o sucesso inteiramente com postagens orgânicas, a publicidade paga pode fornecer uma solução eficaz para esse problema. É uma maneira rápida e direta de alcançar o público que você deseja - segmente um grupo totalmente novo de seguidores ou expanda o existente. Como todas as plataformas atuais oferecem oportunidades de publicidade, é crucial escolher aquelas que desempenham o papel de maior destaque entre seu público-alvo e que sejam adequadas ao conteúdo que você cria.

De um modo geral, enquanto o TikTok é direcionado principalmente para adolescentes, o Instagram tende a ser mais popular entre os millennials. O Twitter é então muito utilizado por homens jovens entre 24 e 35 anos, e o Facebook, com seu alto número de usuários ativos mensais, atrai um público mais amplo com demografia variada. No entanto, você pode simplesmente começar a anunciar seu conteúdo em redes onde ele teve um bom desempenho orgânico e continuar explorando a partir daí. Além disso, práticas como testes A/B podem ajudá-lo ainda mais a descobrir quais plataformas, bem como formas de publicidade (anúncios em fotos, anúncios de mensagens, anúncios IGTV, etc.), são mais adequadas para você do que outras.

Existem muitas outras maneiras, além de anúncios pagos, de promover e anunciar seu conteúdo e sua música nas mídias sociais. Você também pode fazer várias colaborações de mídia social com outros músicos, aumentar seu número de seguidores interagindo com outros artistas e músicos ou obter mais seguidores e engajamento por meio de conteúdo fechado.

Publicidade redes sociais

Você já pagou por publicidade nas redes sociais?

Futuro das redes sociais

A mídia social é claramente um fenômeno que teve um enorme impacto tanto em usuários casuais quanto em figuras públicas e empresas e evoluiu em um ritmo incrível. Com o desenvolvimento tecnológico contínuo, veremos mais tendências de mídia social próximas e cada vez maiores.

De acordo com especialistas, podemos esperar que a tecnologia vestível, assim como a realidade aumentada e, eventualmente, a realidade virtual (o metaverso), desempenhe um papel significativo, senão o principal, no desenvolvimento das mídias sociais e, em curso, de tempo, tornar a criação e o compartilhamento de conteúdo mais fácil do que nunca. No que diz respeito à música, isso pode abrir novas possibilidades e oportunidades para que os músicos não apenas promovam, mas também criem e executem sua própria música.

Compartilhe este guia no
Newsletter iMusician

Tudo que você precisa.
Tudo em um só lugar.

Receba dicas sobre como ter sucesso como artista, receba descontos para distribuição de música e as últimas notícias da iMusician diretamente na sua caixa de entrada! Tudo que você precisa para crescer sua carreira musical.

Loading...