Skip to main content

SOMENTE POR TEMPO LIMITADO: Economize 20% em nossos planos ANUAIS 🤑

Adquira agora
iMusician logo
SPRING SPECIAL
Todos os artigos do blog

Como ser selecionado para um festival de música

  • Martina
  • 29 agosto 2023, terça-feira
Compartilhar artigo no
How To Get Booked iMusician

Os festivais são elogiados como os lugares perfeitos para artistas em ascensão conquistarem a exposição necessária para expandir suas carreiras. Muitos artistas emergentes se perguntam, no entanto, como ser selecionado para um festival. Por onde começar sem experiência prévia?

Neste artigo, vamos guiá-lo através das nossas principais recomendações para ser selecionado para o seu primeiro (ou mesmo segundo ou terceiro) festival de música!

Por que os festivais de música são importantes para artistas independentes?

A origem dos festivais de música remonta à Grécia Antiga. Conta-se que um dos festivais mais antigos conhecidos foi o Pythian Games em Delfos, que acontecia regularmente entre 6 a.C. e 4 d.C. e incluía apresentações musicais. Em seguida, durante a Idade Média, os festivais eram frequentemente realizados como competições, em vez de apresentações de artistas.

Finalmente, foi no século XVIII, na Inglaterra, que os festivais começaram a se assemelhar à forma que conhecemos hoje, gradualmente se expandindo para além das fronteiras e gêneros. Do New Orleans Jazz & Heritage Festival ao Pol'and'Rock Festival e ao Glastonbury Festival, estima-se que haja cerca de 1.000 festivais de música acontecendo anualmente na Europa e nos EUA apenas.

Claro, este é só um resumo muito breve da história dos festivais de música - para abordar tudo, este artigo teria que ser EXTREMAMENTE longo. Afinal, enquanto a história é realmente interessante, preferimos focar na importância dos festivais para os artistas, especialmente os independentes.

Palco Pyramid no Glastonbury Festival (fonte: Rolling Stone)

Alcançar um público mais amplo

Ao contrário de um show solo seu, que provavelmente atrairá seus fãs em vez de um público completamente novo, um festival geralmente é frequentado por uma grande variedade de visitantes que vêm para ver seus artistas favoritos e explorar novos talentos também.

Isso cria uma ótima oportunidade para os músicos ganharem exposição e se apresentarem para públicos maiores e mais diversos, o que, como resultado, pode levá-los a conquistar novos fãs, aumentar suas vendas e impulsionar suas carreiras em geral.

Suas chances são ainda maiores se você se apresentar em um festival específico de um gênero, com outros artistas que criam música semelhante à sua. Há uma grande probabilidade de que pessoas que já estão familiarizadas e interessadas na música de outros também fiquem interessadas na sua música.

Aprimorar o relacionamento com seus fãs existentes

Se apresentar em um festival não se trata apenas de conquistar novos fãs, mas também de fortalecer a conexão que você já tem com seus fãs existentes. Participar de um festival de música muitas vezes é acompanhado por sentimentos de empolgação, entusiasmo e alegria.

Para muitos, ver seu artista favorito se apresentar é frequentemente o destaque de todo o evento, aprofundando ainda mais o vínculo entre eles e o artista.

Networking com especialistas em música

Isso é tanto um benefício de se apresentar em um festival quanto uma das dicas sobre como aumentar suas chances de ser selecionado. Fãs de música e artistas não são os únicos visitantes de festivais. Muitas vezes, também estão presentes editores de música, promotores, distribuidores, diretores de marketing, representantes de gravadoras, publicitários e muitos outros profissionais da indústria da música. Isso torna um festival de música o lugar perfeito para conhecer pessoas relevantes da indústria.

Aproveite a oportunidade de fazer networking quando estiver em um festival - mesmo que você seja um artista em ascensão, atualmente desfrutando do show na plateia. Encare os festivais como aglomerados de oportunidades. Você nunca sabe com quem vai se deparar e que oportunidade será apresentada a você.

Isso inclui artistas também! Você está procurando um músico para colaborar? Em um festival, você definitivamente conhecerá muitos deles.

Uma ótima oportunidade de ganhar receita

A quantia de dinheiro que um artista recebe por sua apresentação depende fortemente de diversos fatores, incluindo o tamanho do festival, o número de visitantes, a capacidade, os patrocinadores, etc. O que é certo é que, para qualquer apresentação pública, você receberá uma renda proveniente de direitos autorais de execução pagos pela organização de direitos autorais à qual você está registrado.

Também não é apenas a apresentação que provavelmente gerará receita. Os festivais são ótimos lugares para vender sua música e mercadorias para públicos novos e existentes. Lembre-se de que a maioria das pessoas tende a comprar produtos físicos em apresentações ao vivo, especialmente discos, então certifique-se de ter um estoque abundante, incluindo CDs ou até mesmo vinis.

Claro, isso não se aplica a todos os músicos. Se você está apenas no início de sua carreira musical, é melhor focar em sua performance e música em vez de sua mercadoria. Produzir mercadorias como um artista independente pode ser bastante caro, portanto, certifique-se de estar na fase certa de sua carreira para fazê-lo.

Dicas sobre como ser selecionado em um festival de música

Agora que você conhece as vantagens de se apresentar ao vivo em um festival de música, é hora de aprender como realmente conseguir se apresentar em um.

1. Comece com festivais pequenos e locais

Não é incomum que, quando um artista sonha em se apresentar em um festival, imagine-se em um grande palco, tocando para milhares de pessoas. Embora isso certamente não seja irrealista, não é algo que acontece do dia para a noite. Todo mundo precisa começar em algum lugar e geralmente leva tempo para passar de palcos pequenos para os grandes. Mesmo os artistas que se tornaram enormes, como U2, Taylor Swift, Drake ou Charlotte De Witte, começaram suas carreiras de forma modesta.

Portanto, se você está apenas começando, não faz muito sentido mirar em grandes festivais internacionais. Candidatar-se a esses festivais pode ser infrutífero e bastante decepcionante, já que a competição é acirrada e os promotores provavelmente selecionarão artistas consagrados em vez daqueles com pouca ou nenhuma experiência.

Por esse motivo, recomendamos mirar em festivais menores, preferencialmente aqueles que acontecem em sua área local (mesma cidade ou região), pois esses festivais podem estar interessados em promover artistas e bandas locais. Lembre-se de que qualquer apresentação ao vivo nessa fase de sua carreira adicionará à sua experiência. Quanto mais experiência você tiver, mais promotores estarão interessados em contratá-lo, e você estará um passo mais perto de realizar seu sonho.

2. Procure festivais que sejam adequados para você

Enquanto o tamanho de um festival ao qual você se candidata não é tão relevante nos primeiros dias, seu estilo e tema definitivamente são. Naturalmente, se você é um músico de soul, não será selecionado para tocar em um festival de música eletrônica, e vice-versa. Portanto, é essencial que você faça sua pesquisa e se candidate apenas a festivais que sejam adequados para você e sua arte (gênero, estilo musical, etc.).

Além disso, certifique-se de saber para quem está enviando sua inscrição e tente pesquisar o número de vagas ainda disponíveis nos festivais. A ideia final por trás disso é investir tempo em oportunidades que provavelmente renderão resultados positivos. Além disso, ao não prestar atenção aos detalhes, você pode mostrar aos promotores que não está levando as coisas a sério.

Lembre-se de que as palavras se espalham rapidamente (especialmente em uma cidade ou região pequena) e a última coisa que você deseja nas primeiras etapas de sua carreira é ter uma má reputação entre os promotores locais de festivais.

3. Crie um press kit de sucesso

Ter um press kit elaborado é essencial para garantir uma vaga em um festival. Considere um press kit como seu portfólio, exibindo seu trabalho, conquistas e experiência, além de fornecer detalhes importantes sobre você como músico. Um bom press kit deve incluir:

  • Uma biografia,

  • Informações sobre suas atividades,

  • Imagens em alta resolução,

  • Site (se disponível),

  • Histórico ou programação de shows futuros (se disponível),

  • Uma seleção de comunicados de imprensa (se você tiver alguns),

  • Links para mídias sociais,

  • Detalhes de contato e, o mais importante,

  • Sua música (links para plataformas de streaming de música)

Você também pode querer adicionar alguns depoimentos e análises, incluindo seus dados de streaming ou vários números de mídias sociais (métricas como seguidores, curtidas, visualizações, comentários, etc.).

Lembre-se de que não se trata apenas das informações que você fornece, mas também de como você as apresenta. Seu press kit deve ser visualmente atraente, de fácil digestão e memorável (criado com o objetivo de se destacar).

A ideia por trás de um press kit é apresentar a si mesmo de uma maneira que dê aos promotores a perfeita noção de quem você é e por que você é a pessoa certa para se apresentar em seu festival. Para os promotores, é crucial saber que seus artistas são culturalmente relevantes, têm uma base de fãs estável (de pessoas que provavelmente virão ao festival) e combinam com o ritmo e a vibração do festival.

Procurando uma ferramenta para criar seu press kit definitivo ou uma página na web direta? Experimente a Artist Page da iMusician. É como um site, mas sem o incômodo de construí-lo do zero. Com sua página de artista, você pode:

  • Exibir seus lançamentos em um só lugar,

  • Compartilhar prévias de músicas inéditas e seus últimos vídeos,

  • Promover sua turnê e próximos shows,

  • Mostrar suas conquistas na seção de imprensa,

  • E MUITO MAIS.

Então, do que você está esperando?

4. Domine sua estratégia de marketing nas mídias sociais

Provavelmente, não existe um artigo ou guia que ajude os músicos a ter sucesso que não mencione algo sobre mídias sociais. Embora isso possa ficar repetitivo, é importante destacar continuamente o poder que as mídias sociais têm para agitar as coisas e levá-lo aos lugares que você deseja alcançar.

Nos últimos anos, houve uma abundância de artistas que começaram suas carreiras musicais construindo plataformas envolventes em suas mídias sociais (particularmente TikTok, Instagram ou YouTube).

Normalmente, eles se juntam a outros artistas para fazer versões de clássicos conhecidos (por exemplo, "Crazy" de Gnarls Barkley ou "Dream On" de Aerosmith), escrevem uma música e depois a apresentam para alguém, ou aproveitam as redes sociais atuais para promover suas novas ou futuras faixas o máximo possível. E de tempos em tempos, assim como no caso da cantora Mae Stephens, sua música simplesmente estoura.

Please accept marketing cookies to view this content.

Claro, ninguém diz que você precisa seguir os mesmos padrões e criar o mesmo tipo de conteúdo que os outros. Se houver algo diferente que funcione para você e que você acredita que pode ressoar com seu público, vá em frente! Se você não tem certeza, não há nada de errado em experimentar. Isso é algo bastante empolgante sobre as mídias sociais, pois você nunca sabe qual será a próxima tendência quente.

No final das contas, o que importa é disponibilizar sua música e se esforçar para estabelecer uma presença online consistente e construir uma comunidade que fique empolgada com você. Eles poderão acompanhar sua jornada, assistir você criar e, no melhor dos casos, aproveitar a primeira oportunidade para vê-lo se apresentar ao vivo.

Por último: você deve contratar um empresário?

Certas fontes podem recomendar a contratação de um empresário, pois eles têm muitas conexões na indústria da música e podem aproveitar essas conexões em nome do músico. Eles podem negociar ótimos acordos para artistas, agendar shows ao vivo para eles (incluindo festivais) e criar oportunidades que seriam difíceis de encontrar sem sua ajuda.

Por mais tentador que isso pareça, conseguir um empresário na vida real pode ser bastante difícil, especialmente no início de sua carreira. Sem mencionar que também é bastante caro e contratá-lo em momentos em que você realmente precisa ganhar dinheiro, em vez de gastá-lo, pode não fazer muito sentido.

Portanto, sugerimos esperar para procurar um empresário até que sua carreira esteja um tanto estabelecida. Enquanto isso, esperamos sinceramente que nossas dicas anteriores o ajudem a realizar seu sonho de se apresentar em festivais.

Não desanime

Como você pode ver, garantir uma vaga em um festival não é particularmente fácil. Na verdade, vários fatores desempenham um papel na decisão de ser considerado para um lugar na programação ou não.

Não é apenas isso! Às vezes, as coisas simplesmente não funcionam, mesmo que você pareça ser a pessoa certa para se apresentar em um festival. Portanto, é importante estar preparado para a possibilidade de ser rejeitado. Não achamos que dizer que não é o fim do mundo realmente ajude, mas queremos que você saiba que não há nada de errado em ser rejeitado.

Para ter momentos de sucesso, você precisa experimentar momentos de dificuldade também. Infelizmente, é assim que a vida funciona. Então, se você for rejeitado, tente não dar a isso o poder de te desencorajar de algo que ama e sonha em fazer. Temos certeza de que seu momento chegará eventualmente, então não perca a fé!

Pronto para divulgar sua música?

Distribua sua música para o maior número de plataformas de streaming e lojas do mundo.

Comece agora
Share Post:
Compartilhar artigo no
Newsletter iMusician

Tudo que você precisa.
Tudo em um só lugar.

Receba dicas sobre como ter sucesso como artista, receba descontos para distribuição de música e as últimas notícias da iMusician diretamente na sua caixa de entrada! Tudo que você precisa para crescer sua carreira musical.